Esporte: Levantamento de peso: 15 atletas têm contraprova positiva e são suspensos

Levantamento de peso: 15 atletas têm contraprova positiva e são suspensos



Através de comunicado em seu site oficial na manhã desta quarta-feira, a Federação Internacional de Levantamento de Peso (IWF) confirmou que 11 medalhistas olímpicos da modalidade nos Jogos de Pequim tiveram suas contraprovas positivas para diversas substâncias dopantes e, assim, estão suspensos de competições provisoriamente. Entre os flagrados aparecem três medalhistas de ouro chinesas Cao Lei, Chen Xiexi e Liu Chunhong. Elas foram pegas com a substância GHRP-2 (estimulante hormonal). Liu ainda apresentou ainda sibutramina no sangue, que age na perda de peso. Outros quatro atletas que não subiram ao pódio também testaram positivo, totalizando 15.

Além do trio chinês, outros 12 competidores de cinco países diferentes caíram no exame. Entre eles, dois russos medalhistas: Khadzhimurat Akkaev e Dmitry Lapikov, ambos por uso de anabolizantes. Anastasia Novikova e Andrei Rybakou, de Belarus, Maria Grabovetskaya e Irina Nekrasova, do Cazaquistão, e as ucranianas Natalya Davydova e Olha Korobka completaram a lista de medalhistas infectados em Pequim.

Maia Maneza, do Cazaquistão, e Iryna Kulesha, de Belarus, também foram suspensas e seus testes de 2012 estão sendo reanalisados. Nizami Pashayev, do Azerbaijão, e Vladimir Sedov, do Cazaquistão fecham os flagrados.

Doping e perda de medalha
O atleta do Quirguistão, Izzat Artykov, bronze na categoria até 69kg no Rio de Janeiro, foi flagrado com a substância estricnina e perdeu o direito à medalha, segundo comunicado da Corte Arbitral do Esporte (CAS). Arkytov pode recorrer da decisão. O atleta foi excluído da Olimpíada e sua credencial retirada.

Fonte: G1
Foto: Getty Images
Página anterior Próxima página