Esporte: Delator do esquema de doping russo diz que esperava "reação mais forte"

Delator do esquema de doping russo diz que esperava "reação mais forte"


Casal Stepanov lamenta decisão do COI em não banir toda a delegação russa dos Jogos.

Após a decisão do COI de não banir a Rússia de todas as modalidades na Olimpíada Rio 2016, o ex-oficial da Agência Antidoping Russo Vitaly Stepanov, que ao lado da esposa Yuliya Stepanova, delatou o esquema de dopagem do país, afirmou em entrevista à rede BBC, de Londres, estar decepcionado com o Comitê Olímpico Internacional. Para ele, a punição da entidade foi mais "leve" do que o esperado.

- Meu ponto de vista é que eu esperava uma reação mais forte para o doping patrocinado pelo Estado e, infelizmente, aconteceu com o nosso país. Mas acho que isso não pode ser uma desculpa para proteger dirigentes esportivos corruptos, que instalam esse tipo de sistema em qualquer país - afirmou Vitaly Stepanov.

Apesar de algumas Federações Internacionais já anunciarem o banimento de alguns atletas para o Rio 2016, como foi o caso da natação, remo e judô, Yuliya Stepanova acredita que Olimpíada ainda terá participação de russos dopados em diversas modalidades esportivas.

- Haverá atletas que usaram doping da Rússia no Rio - disse o casal Stepanov.

Fonte: Globo Esporte
Foto: Reprodução/SporTV
Página anterior Próxima página