Esporte: Treino atípico no Bahrein vê Räikkönen na ponta, Alonso no top-10 e Mercedes desinteressada

Treino atípico no Bahrein vê Räikkönen na ponta, Alonso no top-10 e Mercedes desinteressada



Começou nesta sexta-feira (16) o fim de semana do GP do Bahrein, quarta etapa da temporada 2015 do Mundial de F1. A primeira sessão, realizada ainda no período da tarde em Sakhir, foi marcada pelas altas temperaturas e também pelo ritmo sonolento das atividades de pista, já que pilotos e equipes optaram por poupar carros e pneus visando a sequência dos trabalhos, tornando o treino totalmente atípico. Com pouca ação, a Mercedes preferiu realizar um programa diferente dos demais times e, desinteressada, não mostrou seu melhor. Vantagem, então, para a segunda força do grid. A Ferrari fez dobradinha e colocou Kimi Räikkönen na ponta. Com 1min37s827, o finlandês cravou o melhor tempo, ficando a pouco mais de 0s2 à frente do tetracampeão Sebastian Vettel. Ainda assim, não dá para dizer que a equipe de Maranello é o carro a ser batido no Bahrein.

A Williams apareceu bem, sobretudo com Valtteri Bottas, dono do terceiro melhor tempo da tarde. O finlandês foi seguido pelo novato Carlos Sainz Jr., enquanto Daniel Ricciardo fechou em quinto. Max Verstappen, que chegou a liderar a sessão, colocou o segundo carro da Toro Rosso no top-10 e o terceiro empurrado pelo motor Renault, ficando em sexto. O destaque fica para a McLaren, que apareceu bem com Fernando Alonso, detentor da sétima marca. No entanto, o time praticamente não contou com Jenson Button, com problemas na bateria da unidade de força da Honda. Felipe Nasr fechou em oitavo, com Daniil Kvyat e Felipe Massa completando os dez primeiros.

Fonte: MSN
Foto: Grande Prêmio
Página anterior Próxima página